Agro Amazônia

Notícias

Sucessão na Presidência da Agro Amazônia

09/10/2017

Para todos que trabalham na Agro Amazônia Setembro de 2017 não será apenas um mês de início de safra, será também o mês de despedida de uma trajetória que durou incríveis 31 anos. 
 
Essa história começou em outubro de 1986, quando Luiz Piccinin foi convidado por Edson Keller, fundador da Agro Amazônia, para liderar a entrada da empresa no negócio agrícola em Mato Grosso. Desde então foram diversos os desafios vividos e superados, passando pela falta de infraestrutura das áreas de atuação nos anos 90, a venda de parte dos ativos da empresa para a Sumitomo Corporation e 7 anos como CEO da Agro Amazônia.
 
 
No dia 29 de setembro de 2017 aconteceu na Matriz da Agro Amazônia em Cuiabá a Cerimônia de Sucessão da Presidência, com transmissão em tempo real para todas as filiais. No evento, além dos discursos dos Diretores sobre a sucessão da Presidência, tivemos a oportunidade de ouvir o depoimento sincero do Sr. Luiz Piccinin, contando como foram esses 31 anos que poderiam facilmente ser definidos como uma vida de dedicação à empresa. Ao falar sobre a sucessão, Piccinin disse: “Estou certo de que deixo a liderança da Agro Amazônia em boas mãos e fico satisfeito que os Acionistas, Conselheiros e outros Diretores também confiam na capacidade do novo CEO. O Sr. Roberto Motta é a pessoa mais capaz para liderar a empresa no momento”.
 
 
Roberto Motta em seu primeiro discurso como CEO da Agro Amazônia destacou que “...ficamos nos últimos 3 ou 4 anos aprimorando nossos processos internos e trocando conhecimentos de gestão com a Sumitomo Corporation, mas a partir de agora queremos dar foco no campo, em nossas filiais e principalmente em nossos clientes. 
 
 

Fonte: Agro Amazônia